Depoimento, Mensagem, Missão, Vídeo

Irmã Dulce, o anjo bom do Brasil

Hoje uma cidadã brasileira, e exemplo para todos nós, será beatificada.  Irmã Dulce dedicou sua vida ACOLHENDO os mais necessitados, dando-lhes DIGNIDADE, APOIO, E A OPORTUNIDADE DE UMA NOVA VIDA, pois via em cada um deles o próprio CRISTO. 

Esta visão foi sua força em toda sua peregrinação em prol da vida, a fez superar as dificuldades e deixar para toda humanidade dois ensinamentos: que com fé e boa vontade tudo é possível e que nosso maior legado é servir ao próximo com amor. 

Há muito o que se falar dessa nossa grande brasileira e irmã, porém é melhor ver e ouvir da personagem principal dessa história o que é, de fato, seguir os ensinamentos de Cristo.

Assista o documentário abaixo, sobre Irmã Dulce, o anjo bom do Brasil.

Anúncios
Não categorizado

João Paulo II será beatificado em 1° de maio

Nesta sexta-feira, 14, o Papa Bento XVI aprovou a publicação do decreto que comprova um milagre atribuído à intercessão de João Paulo II. A beatificação está marcada para o domingo da Divina Misericórdia, no dia 1º de Maio. A data escolhida recorda a celebração litúrgica mais próxima da morte de João Paulo II, que faleceu na véspera da festa. A cura da religiosa francesa Marie Simon-Pierre Normand do Mal de Parkinson foi o milagre reconhecido para a beatificação. A religiosa pertence à Congregação das Irmãzinhas das Maternidades Católicas e trabalha em Paris, França, tendo superado, em 2005, todos os sintomas da doença de que sofria há quatro anos. No dia 13 de Maio de 2005, apenas quarenta e dois dias após a morte de João Paulo II, o Papa Bento XVI anunciou o início imediato do processo de canonização de Karol Wojtyla, dispensando o prazo canônico de cinco anos para a promoção da causa. Os relatos de possíveis milagres pela intercessão do Papa polonês sob avaliação da Congregação para as Causas dos Santos somaram mais de 250. Em dezembro de 2009, o atual Papa assinou o decreto que reconhece as “virtudes heróicas” de Karol Wojtyla, primeiro passo para a beatificação. João Paulo II foi papa entre 16 de outubro de 1978 e 2 de abril de 2005, quando faleceu após mais de 25 anos como Sucessor de São Pedro. O Rito de Beatificação será presidido pelo próprio Santo Padre, na Basílica de São Pedro, no Vaticano.